O CICLO DO CHÁ

Foto de Pixabay

Por esses dias resolvi dar um crédito à solidão.
Desliguei meu celular, a fim de desintoxicar. Em princípio, achei um tanto difícil. Pensei  que não fosse suportar. Ledo engano! Passei a me reconectar!

Então, vi que deveria ousar! Resolvi, assim, trocar a amarga e acelerada companhia do café, pela leveza, calmaria e simplicidade da xícara de chá.

Logo pela manhã, em companhia da camomila, valorizei o folhear das páginas de um jornal, como fazíamos há tempos atrás.

Vi que poderia escancarar as persianas, abrir de vez as janelas, e sentir finalmente a brisa chegar, e entrar sem pedir licença. Já era hora!

Me permiti tentar alcançar os sons que porventura estivessem mais distantes da minha audição durante o silêncio da madrugada. Fora magnífico!
Latidos, roncos do motor de um veículo ou outro que passasse, grilos, até que simplesmente cheguei ao nada. Ouvi o vazio. E percebi que o sol raiava, para mais um dia se iniciar, exatamente do zero. Com o coração mais leve eu poderia recomeçar o tal ciclo do chá.

E, novamente, folheei jornais, junto da minha mais nova companhia, o aroma da camomila.  Experimentei a brisa, o canto dos pássaros, os sons para mim até então inaudíveis...

... grilos, carros, o nada.

E o sol outra vez a despontar, junto do meu ciclo do chá.





17 comentários

  1. Às vezes é bom mesmo dar um tempo na Internet, ter mais tempo de apreciar os pequenos prazeres da vida, e a beleza da natureza, como o canto dos pássaros e o nascer do sol, que por vezes não damos o valor merecido.

    ResponderExcluir
  2. Sim, é verdade! Eu tenho mesmo tentado me apegar mais nessas simples observações que não nos acostumamos a fazer no dia a dia! é importante à nossa construção. Bjs

    ResponderExcluir
  3. Que texto mais lindo... e que tem tanto a ver com nossa rotina atual (pelo menos de algumas pessoas que mantiveram o isolamento social, como eu, rs). Se desconectar é uma ótima pedida, para se ver livre de fake news, livre de estresses desnecessários e de correria. E nada melhor do que um bom chá para nos acompanhar nessa calmaria. =)
    Bjks!

    Mundinho da Hanna
    Pinterest | Instagram | Skoob

    ResponderExcluir
  4. Às vezes, desligar nosso celular para nos desintoxicar de nossa vida social é essencial, nada como ficar em companhia de uma ótima xícara de chá, junto da natureza. Gostei demais do seu texto, profundo e reflexivo.

    ResponderExcluir
  5. Que delícia ler seu texto! Precisamos mesmo desses momentos de calmaria. Amei

    ResponderExcluir
  6. Que leve! Esse tempo de pandemia está interferindo muito na nossa cabeça e nunca foi tão importante o assunto de saúde mental como agora. Tantas pessoas que, privilegiadas, estão sozinhas em suas casas há meses e tendo que lidar consigo mesmo não tem sido facil. Eu por exemplo, que tenho a sorte de ter conviver com muitas pessoas o que em tese seria um alivio também tem seus perrengues. O fato é que esse momento único que vivemos estamos sendo forçados a repensar muita coisa de nossas vidas e principalmente aliviar muitas cargas que trazíamos em nossas costas.. claro, para quem tem o privilegio de poder ficar em casa e não ter que trabalhar se expondo nas ruas ..

    ResponderExcluir
  7. Olá! Que texto lindo! Eu também tenho tentado me desintoxicar, também tenho acrescentado o chá durante as noites para ter um sono tranquilo. Não vejo a hora de tudo isso passar, enquanto não passa, tento me reivintar e mudar o que é preciso como ser humano.Bjs

    ResponderExcluir
  8. Que texto bonito e poético. Ouvir o nada pode ser uma experiência simpática. Hehehe
    Gosto dos sons da madrugada. O chá já é habitual, não curto café heheh
    Tschüss 😘

    ResponderExcluir
  9. Adorei o quê cíclico e poético do seu texto, você, falando do ciclo do chá, falou do nosso desapego necessário certas vezes, o cansaço da rotina e tudo mais. Adorei o texto, vez ou outra, eu também bebo chá, nem que ele seja chocolate quente ou só um bom livro. ♥

    ResponderExcluir
  10. É realmente muito importante e verdadeiro esse sentimento que o texto consegue transbordar ao leitor através dessa essência poética expressada pela escrita.
    E é mesmo preciso desintoxicar para se reconectar sempre que possível. Adorei. E eu gosto muito de intercalar a leitura entre uma xícara de chá ou chocolate quente no meu dia a dia. E esse momento de isolamento social tem sido muito reflexivo pra mim.

    ResponderExcluir
  11. Que lindo texto. Eu quero cada vez me reconectar com a essência nesses tempos de quarentena. Eu não bebo café. Mas consigo ter bons momentos comigo mesma com uma xícara de chá!!!
    Beijocas

    ResponderExcluir
  12. Nesse período tão confuso, triste e desgastante que vivemos as pausas se tornam muito importantes, assim como respirar, sentir o sabor dos alimentos, desacelerar. Ando aproveitando melhor essas momentos, de fato.

    ResponderExcluir
  13. Que post mais leve e tocante. Não costumo tomar chá ou ficar "tranquila" nesse período de pandemia, porque contínuo estudando, trabalhando e me organizando com as leituras do blog. Mas o seu post me fez perceber que estou perdendo essas pequenas coisas, e que eu preciso perceber enquanto estamos num momento onde tudo deu pausa lá fora.

    Beijoss, e muito obrigada pelo post.

    ResponderExcluir
  14. Oi Ana, tudo bem? Ah, que texto mais inspirador. É impossível lê-lo sem pensar na nossa rotina ou nos dias que vivemos atualmente. Pensar em se "desligar", se afastar das redes sociais, ou mesmo ficar of por alguns dias é algo impossível para algumas pessoas. Mas concordo quando diz que o início é o mais difícil, porém depois que nos acostumamos com nossa presença, com uma xícara de chá e o silêncio, tendemos a fazer isso regularmente. Um abraço, Érika =^.^=

    ResponderExcluir
  15. Que lindo texto! Por vezes também tento sair um pouco do celular e internet, pois é um lugar muito tóxico. Claro que tem coisas boas, mas dependendo de quem seguimos temos uma visão enganosa da realidade.. Gosto de pegar um livro e desligar o wi-fi, assim a leitura fica mais prazerosa pois não tenho nenhuma distração.
    Nesse período de pandemia estou conseguindo ter um tempo para mim, pois estou sem trabalhar e estudar. E a minha rotina é sempre muito corrida, então estou aproveitando esse tempo para fazer o que gosto. Em alguns dias é bastante difícil, pois vivemos um momentos de inseguranças e incertezas.
    Gostei muito do post, beijos!

    ResponderExcluir