MÃE E FILHA, MELHORES AMIGAS?



Mãe e filha, melhores amigas? Não sei até que ponto, admito.
Temos que ter consciência da linha tênue entre o ser mãe e o ser sua melhor amiga. São duas coisas distintas que penso ser possível dar uma mexidinha, vez ou outra, sem passar do limite, sem interferir em seu amadurecimento individual e necessário em algumas questões. Como mãe, compete a mim orientar...
...mas também curtir.
E dar muito, muito, muito, muito...
...amor!

Desde o segundo mês, minha gravidez foi considerada de alto risco. Lembro de me apegar a este nobre sentimento, junto dos cuidados excessivos, afinal, não queria e nem podia ousar pensar em perder esse serzinho que habitava dentro de mim já com tanta garra. Então, apelei por colocar músicas calminhas. E  conversar. E como a partir dos nossos diálogos a conexão parece ter passado a crescer significativamente a cada dia! A gente se tranquilizava. São dos momentos mais marcantes desse que me foi um período dificílimo, por diversas razões. Mesmo nas pirraças na infância (e acreditem, ela era muito pirracenta!), era só através do diálogo, olho no olho, que a coisa fluía. Assim, a nossa conexão só crescia. E até hoje, que já está caminhando para os dezoito, tem sido.

Então, me pego a me perguntar: melhores amigas?! Talvez não exatamente. Ela tem as vivências dela e eu as minhas, mas dosamos bastante. São muitas séries de TV em comum, trocas de maquiagem, de roupas, segredinhos bobos, cochichos... Há horas que parece mais velha que eu! Me condena quando canto errado, quando fico dançando na sua frente, e me chama atenção nas procrastinações. É minha parceira no Projeto Café com Leitura Blog desde o início. Sou grata! Ri de mim quando me emociono fácil, me ergue quando acho que vou cair, e me ajuda até a secar algumas lágrimas ou outras que rolam no meu rosto.

... Enfim, cuido, com equilíbrio, para aproveitar cada momento, pois sei, é fato, que passa rápido. Sim, o tempo parece estar voando! Mas a gente está aproveitando, juntas, sempre, e com qualidade.
.
Não somos melhores amigas, mas o vínculo, a corrente que temos, é forte! E só queremos uma da outra é que sejamos felizes! ❤️


6 comentários

  1. Que belo relato o seu com sua filha. Essa conexão é maravilhosa!
    Sou meio assim com minha mãezinha também; amigas (tanto que até meus amigos a consideram amiga também ^^') mas com algumas diferenças, peculiaridades que somente esse laço de amor trás.
    Beijinhos, feliz dia das mães (todo dia!!!) e boa semana para vocês duas!
    Isabelle
    https://blogalgodotipo.wordpress.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oii! Sim nós de fato temos uma bela conexão! Parece coisa de outro mundo, mesmo eu sendo tão cética. Muito obrigada pelo carinho carinho! Grande beijo pra vc e sua mãe!

      Excluir
  2. Então, eu tive uma mãe-mulher-pessoa-amiga incrivel e não vou dizê-la melhor amiga porque não acredito nesses temos melhor ou pior. Mas ela era a pessoa a quem buscar a todo e qualquer momento. Nem sempre tinha respostas para todas as perguntas e era divertido investigar o mundo. Ela era calma, eu um estopim. Ela era linda-elegante e eu uma moleca que nunca quis se maquiar ou enfiar o corpo em um vestido. Eu queria ser solta... ela adorava a casa, os cômodos e vivia em busca de primaveras (um ramalhete de flores para um canto da casa a fazia feliz). Enfim, as pessoas são diferentes, como você disse. As pessoas são ilhas e vez ou outra aceitam um ou outro. É possível ser amiga da sua filha e vice e versa. Limites todas as relações tem. Mas ninguém pode dizer como fazer ou proceder, esse caminho é particular e você sabe como caminhar ao lado dessa figura humana que é a sua filha e que seja sempre um caminhar junto.

    bacio e feliz dia das mães... acho que essas datas são meramente comercial. O dia é hoje, amanhã, quando a gente sai e se lembra de voltar para casa com algo que aqueça o coração ou simplesmente faça uma pausa no dia para dizer o que sente, pensa e ponto. rs

    bacio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Uau, Lunna! Assino embaixo com caneta dourada! É mesmo comercial, meramente, mas aquece o coração um simples abraço, ou a famosa frase "Feliz Dia das Mães". Grande beijo!

      Excluir
  3. Não preciso nem dizer que eu amo muito você e a Mylena né? Vocês duas são um show!
    Eu e minha mãe fizemos cookies domingo! Foi muito bom!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ownnnn, você é in-crí-vel na minha vida, Lucas! Te amo e te admiro! De verdade! E que delícia essa ideia dos cookies! Beijos pra vc e para ela!

      Excluir