02/2020: O HERÓI APRENDIZ

"A verdadeira forma de materializar sonhos é distribuir amor e atenção aos outros e poucos atingem este nível de expansão de consciência".
Olá! Como estão? Tem mais resenha de livros incríveis chegando!

Neste inicinho de novo ano, mais precisamente pelas próximas semanas do mês, pretendo colocar aqui as minhas impressões referentes às minhas últimas leituras do ano que findou-se.

Ontem, primeiro dia do ano, eu lancei nada menos que a resenha do livro O Mundo de Sofia, junto de Jostein Gaarder. Vocês já passearam por lá? 
Hoje eu quero dar segmento a este projeto semanal trazendo a resenha de um livro nacional que me fez um diferencial muito bonito no mês de dezembro. Vamos conferir de qual livro estou falando e minhas observações??



Título Original: O Herói Aprendiz - No Reino dos Sonhos Possíveis

Autor: Raquel Cantarelli

Ano: 2019

Páginas: 172

Editora: Lura Editorial 


Sinopse

O Herói Aprendiz é o livro que apresenta a fórmula da materialização de sonhos, utilizando contos e parábolas ambientados no universo de Étherys, o reino das infinitas possibilidades.

Em Étherys, esses enigmas e parábolas servem para que os jovens possam evoluir na escalada rumo à felicidade plena. Embora use uma linguagem comum aos etheryanos, os textos podem e devem ser compreendidos pelos habitantes da Terra, já que facilitarão a expansão da consciência.

Unir o pensamento, o sentimento e a emoção, com foco no desejo ardente, é a grande chave para a realização de sonhos. Então, o que está esperando? Venha buscar o que já é seu!



Leitura que traz, como uma das propostas iniciais da autora Raquel Cantarelli, o encontro profundo com o despertar da consciência e seus sonhos _ sua materialização.

As parábolas e contos de Raquel Cantarelli tendem a nos provocar o romper com o medo, segundo ela, o "grande ladrão de sonhos"


Pelas vivências dos heróis aprendizes no Reino de Étherys (Reino das Infinitas Possibilidades), na Escola do Herói Aprendiz, lições ligadas à filosofia, bem como à sabedoria são transferidas àqueles que se deleitam à escrita da autora.
"_Pense, sinta, pegue. - Se você não desejou, pense. Se ainda não sentiu, sonhe e se ainda não viu, pegue. Pensar é superior a pegar e sentir é superior a pegar".

Dentre os personagens, Vídia, a árvore da sabedoria e dos enigmas, propõe ensinamentos e reflexões ao leitor através de situações mencionadas em seus textos.

Assim como a árvore tem a intenção de transmitir o bem, em Étherys, como na vida, em nosso cotidiano, existe o que nos causa o mal, e lá isso é provocado por Medlor, o Senhor do Medo.

Sobre esse tema, conforme a narrativa de Raquel, diz-se que aqueles que desejarem além do que realmente necessitam, permitindo a entrada de Medlor em seus corações, devem mostrar arrependimento. Caso não mostrem esse dom, o que lhes é permitido, terão punição severa: serem banidos, em isolamento eterno, no deserto das almas perdidas.
"Sabia que existe doçura e beleza do nascer do sol até ele se pôr? 
Contudo, é pela vontade, a ânsia pela realização de ser mãe, que a "enviada de Morphys",  o Deus de Étherys, batizada como Gabryelle Acquamor, chega à Escola do Herói Aprendiz.

Aqui na Terra, ela seria Gabriela Cantamor, enviada de Deus. O palco de sua trajetória,  em princípio, seria Nova Xavantina, coração do Brasil.
"Ela era feita de pura coragem, arrancada da matriz dos sonhos de Morphys. Seus olhos radiantes de aventura nada mais se pareciam do que espelhos turvos e cativos da dor que carregava dentro de si."

Bom, mas essa é história para uma nova resenha, pessoal!

Até mesmo pelo fato de que, no lindo encontro que tive com Raquel Cantarelli aqui em Nova Friburgo, em dezembro do ano passado, que aliás está registrado em vídeo no canal , eu recebi de presente o seu livro, Gabrielle Acquamor e os Ladrões de Sonhos, que traz certa continuidade ao seu belíssimo trabalho desenvolvido em O Herói Aprendiz - No Reino dos Sonhos Possíveis.
"Aprenda a ver o lado iluminado da vida, não se concentre apenas nas coisas ruins. Procure o que é belo, pois sem ele, nem mesmo o que é feio nos chega à consciência".
E aí, pessoal?! O que acharam dessa maravilhosa dica de leitura?!
Eu adorei, inclusive pelo fato de ser também característica da autora nos oferecer leituras que nos marcam de alguma maneira, como, por exemplo, com belas mensagens de positividade, além de ser uma escrita de fácil compreensão, simples e rápida de se absorver.

Só para lembrar, também há aqui no "Café" a resenha de Folhas do Mal, que super recomendo também.

Por hoje é isso!
E aí, me contem: já leram algumas das obras de Raquel Cantarelli? Qual? Ainda não leram?? Então, fica aqui mais uma dica de leitura que não irão se arrepender!

Beijos literários!








7 comentários

  1. Oi, amiga!
    Que resenha maravilhosa! Eu gosto muito de dicas de livros nacionais e eu não conhecia a autora.
    Achei uma história envolvente e o que me atraiu mais foi que por trás carrega uma mensagem linda que podemos e devemos levar para nossas vidas.

    bjs

    ResponderExcluir
  2. Olá, Ana! Já estou mega ansiosa para saber as suas impressões referentes as últimas leituras do mês passado. Enfim, achei essa resenha espetacular! E com certeza, já quero conhecer melhor esse livro lendo. Porque, realmente, é uma bela história! E o fato do livro apresentar a fórmula da materialização de sonhos, utilizando contos e parábolas ambientados nesse universo, só me deixou mais curiosa e com vontade de ler.

    ResponderExcluir
  3. Olá, Ana.

    Eu sempre leio comentarios super positivos a respeito dos livros dessa autora, mas infelizmente nunca tive a oportunidade de ler algum.
    Esse ano eu quero apostar mais nas fantasias para diversificar um poucos os gêneros que eu ando lendo, já anotei a dica para futuramente realizar a leitura do livro.

    ResponderExcluir
  4. Gostei muito de ter lido essa obra, nela, Cantarelli, faz uma narrativa reflexiva e repleta de emoções. Recomendo para todos.

    ResponderExcluir
  5. Não conhecia o livro, nem a autora. A capa super me chamou a atenção. O gênero não é meu favorito, mas sempre deixo em aberto que um dia posso mudar de ideia . Amei sua resenha.

    ResponderExcluir
  6. Olá, Ana!


    Grato pela divulgação.
    Acredito que seus leitores irão gostar desse livro que é incrível!

    Abraços,
    Daniel Moraes
    Lura Editorial

    ResponderExcluir