46/2019: FISIOLOGIA DO AMOR

" O amor é superestimado. Borboletas no estômago, suor frio, dedos trêmulos... tudo isso é apenas uma reação orgânica do nosso organismo. Pura fisiologia. E, para piorar, às vezes, nós mesmos nós traímos, deixando-nos ser guiados pelo tal 'coração', que nos leva a fazer escolhas completamente insanas".
Olá, cafeinados!!! Como estão??? Eu estou me sentindo leve!!! É que esta semana concluí uma leitura que deixou meu coração calminho,  me dando a certeza de que vale a pena crer nas coisas do coração! ;)
Querem saber qual é a leitura? Me acompanhem!!


Título Original: Fisiologia do Amor

Autor: Lyra Rocha

Ano: 2019

Páginas: 269

Editora: Independente

Sinopse

Nada melhor do que seguir o coração e encontrar sua alma gêmea, não é mesmo? Não para Cecília Perosini. Para ela, encontrar o par perfeito é nada mais do que pura ciência. Coração saltitando, mãos suando e corpo tremendo? Tudo resultado dos hormônios biológicos do nosso corpo. Como professora e pesquisadora da área, Cecília sabe tudo sobre a fisiologia do ser humano durante o amor e, por isso, ela está disposta a usar dos seus conhecimentos para não ter o coração arrancado e quebrado por homem nenhum.
Ela já planejou tudo. O homem perfeito está idealizado em sua mente. Nada de bonitos, atraentes e fortões. Não. A ciência mostra que para um relacionamento dar certo, sua escolha deve ser bem diferente. Por isso, Cecília está determinada a seguir seu plano.
Mas o que acontece quando a vida lhe dá uma rasteira e põe à prova toda a teoria que criou? Depois de conhecer um homem que é exatamente tudo o que Cecília fugiu, ela se vê em uma situação difícil ao tentar seguir o rumo que predeterminou em sua vida e em um embate entre a razão e o coração.



A história é contada por Cecília Perosini, professora e pesquisadora renomada de uma universidade federal. Aos olhos da professora Cecília, que é uma expert em fisiologia das emoções, a ciência pode explicar tudo que acontece com os desígnios do coração, através de estudos comprovadamente científicos. 
Ela dividia o apartamento com sua amiga Camila, que, ao contrário dela, tinha lá suas questões amorosas, e sofria sim por amor, como qualquer outro rélis mortal. Já Cecília fazia-se valer de teorias para não cair nas ciladas do amor.
Em suas investigações sobre a busca por seu par perfeito, o Dr. Matheus lhe seria o ideal. Contudo, um outro elemento, um jovem, aparentemente de outra universidade, chegara justamente para lhe entorpecer e mostrar-lhe que a teoria do caos poderia dar-lhe uma rasteira.
"Fitei os olhos que me encaravam e fiquei aprisionada naquele rio azul profundo que parecia não querer desviar. E o problema maior era... eu também não queria".
De acordo com seus cálculos, seria com Matheus que tudo daria certo na sua vida, até deparar-se com Bernardo, um jovem que, a troco de nada, causava-lhe irritabilidade, tentativas de fuga...
Cecília é uma mulher cética, bonita e segura de si, o que de certa forma mudava quando estava ao lado de Bernardo.
"Confesso que parte de mim, mesmo aquela que havia jogado lá no baú agora, tinha medo que eu acabasse gostando dele com o tempo e depois acabasse me decepcionando. Porém, pela primeira vez, quis ter coragem de apenas seguir o que o meu coração estava mandando, ao invés do mês do meu cérebro".
Parecia mesmo que o destino tinha dado-lhe uma rasteira, pois, com ele, havia visto que todos os seus testes cairiam por terra, o que lhe causava medo... 

... de ser enganada, de decepcionar-se, de virar motivo de piadas... Com isso, mostrava a todo instante dificuldade em assumir o que sentia por Bernardo...

...mas a Fisiologia do Amor haveria entrado em sua rotina de maneira perspicaz com esse belo e misterioso rapaz! Entretanto, essa dificuldade poderia acabar pondo em cheque o relacionamento, mesmo contra a sua vontade, afinal, Cecília tinha muito medo. Tudo isso que acontecera repentinamente a assustava, pois sentia como se toda a sua crença baseada em amor versus ciência e seus estudos estivessem caindo por terra.



Mas estaria ela certa quanto a isto, ou Bernardo seria mesmo o seu príncipe encantado? 
Que segredos ele mantinha e que não poderia lhe contar?

Fato é que o que sentia por Bernardo era inegável, e Cecília não teria como burlar toda essa mescla de sentimentos! 
"Eu não queria nada com o Bernardo, no entanto, também não desejava que ele se afastasse".
A jovem pesquisadora consegue alcançar o auge em seu trabalho e associar amor, ciência e razão.


Uma escrita acessível em que a autora Lyra Rocha arrisca conceitos científicos e todo o amor na história de Cecília Perosini e Bernardo em sua primeira experiência como autora na Amazon.

Sobre a autora



Lyra Rocha, mestre em Educação em Ciências e Matemática, capixaba, escreve há três anos e tem 4 obras completas, sendo Fisiologia do Amor o primeiro publicado na Amazon. Uma jovem imersa no mundo literário, viciada em leitura e que ama escrever.



E aí, topam ler?? Curiosos por saberem mais de Lyra Rocha ? Só para lembrar, na última semana saiu um bate-papo  bem legal com ela aqui! Passem lá também e deixem um carinho!
Querem comprar o livro Fisiologia do Amor? Tá super baratinho! ;)
Vou deixar link de compra, combinado?? 

Beijos literários!


15 comentários

  1. Eu tinha visto uma resenha desse livro em outro blog e achei incrível porque vendo pela capa parece um livro teórico/científico, mas não é. Achei simplesmente genial juntar romance com ciência. Acho que isso faz com que a gente aprenda de uma forma bem divertida kkk

    Adorei a indicação! Beijos :3


    🌗 Relatos de um Garoto de Outro Planeta

    ResponderExcluir
  2. Ana!!!
    Que post fantástico!
    Quero iniciar agradecendo pela parceria tão bacana e por ter se interessado no meu livro. Esse apoio aos autores iniciantes e nacionais é muito valioso, muito obrigada!
    Não posso deixar de enaltecer como você falou sobre Fisiologia do amor de uma forma tão legal e intercalando com os quotes! Amei!!!
    Ah, as fotos ficaram ótimas! Estou ainda babando por tudo isso haha
    Muito obrigada por tudo e espero que você possa continuar acompanhando o meu trabalho.

    Em nome da Cecília encerro dizendo: Muitos beijos e brigadeiros para você <3

    ResponderExcluir
  3. Oi, miga!
    Que linda resenha!
    Eu gosto de ciência também e de cara a capa desse livro me chamou a atenção.
    Me parece um livro bem divertido também.
    Gostei!

    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Oi Ana, tô precisando de uma leitura que me deixe leve também. Esses dias estão corridos e muitas leituras atrasadas para fazer. Já quero conhecer Cecília e todo esse enredo. Bjusss

    ResponderExcluir
  5. Adorei o post !! Esse é a segunda resenha que leio desse livro e já estou bem curiosa para fazer a leitura. Já vou colocar na minha lista de leitura!

    Parabéns pelo belíssimo trabalho

    Bjs Aruom Fenix

    Blog Leituras de aruom

    ResponderExcluir
  6. Olá! Esse parece ser um romance bem atípico, com toda essa mistura da ciência com o amor. Eu gostei, parece ser bem gostosinho de ler!

    ResponderExcluir
  7. Eu já tinha ouvido falar desse livro e acho super amorzinho. S2
    Espero poder ler um dia e me divertir também com Cecília e sua explicações científicas para tudo.
    Bjks!

    Mundinho da Hanna | Instagram

    ResponderExcluir
  8. Ah, que delícia de leitura! Eu amei demais ler esse livro e resenhá-lo lá no blog também! Inclusive, eu pude reler participando da LC realizada pela autora. Seu trabalho e apresentação dessa obra ficou maravilhoso, Ana!❤ Desejo muito sucesso para a autora e para você também! Com certeza, eu já irei conferir esse bate-papo por aqui!

    ResponderExcluir
  9. Eu nunca li nada do gênero, pois nunca me chamou muito a atenção, mas sendo uma autora conterrânea, e se passando na universidade onde eu estudei, fico muuuuuuuuito curiosa de ler! Achei a resenha super fofa!
    Abraços,
    Liv | Resenhas Caóticas

    ResponderExcluir
  10. Oie, tudo bem? Ah, que indicação incrível. É tão bom quando terminamos uma leitura nos sentindo bem. Ainda mais uma história assim. A premissa é bem interessante e nos faz refletir sobre o que pensamos do amor. O que acreditamos dar certo e como encaramos tudo isso. Não conhecia a autora e achei a capa bem fofinha. Um abraço, Érika =^.^=

    ResponderExcluir
  11. Que história interessante!
    Adorei a trama científica/fisiológica, ainda mais que sou da área de pesquisa. Hahahah. Achei muito criativa essa forma de abordar o amor e vou anotar a dica.

    Bjos

    www.coisasdemineira.com

    ResponderExcluir
  12. Muito linda essa resenha,eu não conhecia a autora e nem sua obra mais fique muito interessada.a temática e uma das minhas preferidas.

    Parabéns
    Bjs

    ResponderExcluir
  13. Oi, tudo bem?

    Eu amei sua indicação, esse livro parece ser incrível e muito gostoso de se ler! Sua resenha tá maravilhosa, arrasou muito!!!

    Leonardo, do Porão Literário

    ResponderExcluir
  14. Oiiii ameiii seu post ana!
    Que indicações incríveis adorei ♡♡

    ResponderExcluir