BATE-PAPO COM A EDITORA INMEDIARES

"Nossa meta é publicar bons textos e nos tornarmos uma marca conhecida."     (Editora InMediaRes)
Oi, bookworms! Como estão? É dia de bate-papo aqui no "Café"! Mas no dia de hoje vamos conversar com a fonte! Simmmm! De onde saem os livros ao serem publicados até chegarem às livrarias. 
Vocês devem ter acertado se pensaram em editoras!
É que na série de bate-papos que estou trazendo para vocês este ano, iremos de blogueiros a autores, mas por que não ainda chegarmos às editoras parceiras do  "Café"?
Ótima ideia, não acham??

Em 2019, com muita alegria no coração, o Café com Leitura Blog foi selecionado para parceria com 9 editoras. Então, com certeza teremos muitas curiosidades interessantes a conversarmos sob o olhar das editoras parceiras do "Café" também!
Para iniciarmos o bate-papo com as editoras, nada mais justo do que eu começar pela primeira editora parceira do projeto, desde 2018. 



☕ Como surgiu a ideia de criarem uma editora?
Ana Beatriz trabalhava no mercado editorial há quase 20 anos, daí surgiu a vontade de criar seus próprios textos e publicá-los. Por isso teve a ideia de montar sua própria editora.

☕ E o nome InMediaRes, de onde veio a inspiração para essa variação no mercado literário?
 InMediaRes é um termo em latim que significa no meio da ação. Essa era uma estratégia de escrita utilizada pelos gregos, começar o texto pela parte mais emocionante.

☕ Como funciona o processo de análise dos materiais a serem publicados pela editora? Há um critério específico que vocês seguem?
Publicamos textos de literatura geral, mas também temos um selo de publicação para textos técnicos, como teses, dissertações e artigos científicos. Quando recebemos um original, fazemos a análise do mesmo e emitimos um parecer técnico, sugerindo alterações ou não, nesse momento também conseguimos dizer qual o mercado para determinado livro. 

☕ Logo que colocaram a ideia de levarem adiante a criação da InMediaRes no mercado, quais propostas vocês consideraram? Há uma meta ou um objetivo principal que pretendem alcançar?
Nossa meta é publicar bons textos e nos tornarmos uma marca conhecida. 

No site da InMediaRes, no ícone Ações, vocês colocam: “A boa história e a boa escrita como princípios”. Poderiam falar um pouquinho sobre esta frase?
Conforme falei na resposta anterior. Queremos publicar bons textos e a partir daí ficarmos conhecidas.

☕ Sabe-se que a editora possui selos, o Sabor de Leitura e o Educatoris. Qual a proposta de cada um e como surgiram tais possibilidades literárias aos leitores?
Sabor de Leitura é para livros infantis e Educatoris para técnicos, como teses, dissertações e artigos científicos.

☕ A Editora InMediaRes deu um passo muito bonito da história de Nova Friburgo, já que é a primeira na cidade. Como vocês se sentem por oferecer esse ganho literário aos friburguenses?
Acredito que somos a primeira a oferecer serviços editoriais e excelência. Mas na cidade já existia algumas gráficas que faziam trabalhos com título de editora.
"Acreditamos que o bom texto vem de todos os cantos do país, de norte a sul, não só no sudeste do Brasil."
No catálogo da editora há escritores de Nova Friburgo, mas também de várias outras localidades. Como é para vocês estarem propagando a literatura a tantas localidades e culturas dentro do país? Para vocês isto é sinônimo de crescimento? Por quê?
Acreditamos que o bom texto vem de todos os cantos do país, de norte a sul, não só no sudeste do Brasil. As pessoas têm a falsa impressão de que bons autores estão só no sudeste. Isso não é verdade.

 Conseguimos ver uma vasta gama de publicações com a InMediaRes. Há algum gênero literário que ainda não consta no catálogo da editora? E há um “carro-chefe” neste sentido para vocês? Por quê?
Ainda não publicamos livros de terror ou suspense. Acreditamos que o carro chefe é o romance. O Gênero literário mais lido e o mais difícil de escrever também.

☕ Tenho acompanhado com carinho as ações sociais por vocês participadas. Como tem sido essa experiência à frente da editora?
Muuuuito trabalho, mas também muito gratificante.

 Ainda falando de ações, vocês têm projetos relacionados à Bienal do Rio?
Para a Bienal de 2019 ainda não conseguiremos comparecer enquanto editora, mas para a de 2021 com certeza estaremos lá. Estar na bienal precisa de programação financeira, os valores cobrados  são muito altos, além disso precisamos de mão de obra e de mais livros no catálogo.

☕ FLINF, Festa Literária de Nova Friburgo. O que representa para vocês?
A FLINF é um evento muito bonito e enriquece muito o meio literário na nossa cidade, não temos participação direta na organização da festa, mas fazemos parcerias e apoio.

☕ Eu iniciava nesse meio quando fomos apresentadas, e em pouco mais de um ano tenho acompanhado a evolução do trabalho de vocês diante da InMediaRes, que vem crescendo de maneira muito bonita. Durante esta trajetória, tenho visto diversos blogs, assim como o Café com Leitura Blog, apresentando os trabalhos publicados pela editora. Como tem sido a relação de vocês com blogueiros literários, booktubers e bookinstagrammers do país inteiro?
Fizemos algumas parcerias com blogueiros muito promissoras e tem nos dado retorno em mídias interessantes.

Possuem algum recado aos leitores que acompanham o trabalho da editora, ou têm algum projeto que queiram compartilhar conosco?
Queremos dizer que fazemos nosso trabalho com muita dedicação e queremos sempre o melhor para os autores.


Que tal conhecermos um pouquinho mais daquelas que estão à frente desse lindo projeto editorial??

Ana Beatriz Manier é tradutora e escritora. Com formação em Administração de Empresas e Letras, trabalha desde 2001 como tradutora no mercado editorial carioca e desde 2011 como escritora. Entre seus trabalhos como tradutora, estão traduções de autores como Robin Pilcher, Nora Roberts, Mary Rourke. Como escritora, publicou o livro infantil Astrobeijo,  a biografia Ó, o Globo! A história de um biscoito. .


Amanda Almeida Fernandes Lobosco é Enfermeira e Mestre em Segurança e Defesa Civil. Há mais ou menos 2 anos resolveu, além de trabalhar com pessoas doentes, trabalhar com livros e promover a saúde intelectual das pessoas. Sempre foi apaixonada pela leitura e pelos livros.



Gente, que experiência gostosa foi ler esse bate-papo sob um aspecto editorial! E com tantas riquezas a nos doar! Um exemplo disso é o significado do nome da editora, não acham?? A mim, uma super dica! ;)

Terem como meta ficarem conhecidas a partir do lançamentos de bons conteúdos! Assemelham-se a uma das metas do "Café", meu povo! Está explicada a sintonia então!!!

Aos escritores de terror/suspense, fica aí a dica de uma editora com trabalho de excelência e que vem crescendo de maneira acentuada na área editorial!

Espero que estejam gostando de acompanhar!
Na semana que vem tem mais bate-papo literário por aqui! 
Beijos!!!!

2 comentários

  1. Eu amei o nome InMediaRes, achei fortíssimos e tem tudo a ver com o momento que estavam passando! Adorei o bate papo! Beijoos

    ResponderExcluir
  2. Oiii! É uma editora com forte potencial de crescimento! Grata por te ver aqui contribuindo! grande beijo!

    ResponderExcluir