18/2019: PRINCESA DAS CINZAS

"_Você sabe quem você é _ disse-me ela. Sua voz não vacilou, mesmo quando gotas de sangue brotaram onde a lâmina cortou sua pele. -_ Você é a única esperança do nosso povo, Theodosia".
Oi, oi, bookworms!
Como vocês estão?
Hoje é dia de resenha de um lido no mês de março, livro que li no Grupo de Leitura Coletiva  ao qual eu amo fazer parte! Vamos conhecer!?


Título Original: Princesa das Cinzas

Autora: Laura Sebastian

Ano: 2018

Páginas: 352

Editora: Arqueiro

Sinopse:

PRINCESA
PRISIONEIRA
ÓRFÃ
REBELDE

Theodosia era a herdeira do trono de Astrea quando seu reino foi invadido, deixando um rastro de destruição.

Dez anos depois, a princesa, órfã, prisioneira e subjugada, percebe que não lhe resta mais nada, a não ser lutar pela própria liberdade.

O passado, que por tanto tempo ficou enterrado, agora precisa vir à tona para mostrar a Theodosia os caminhos que poderão levá-la de volta ao trono.

Mas Theo conseguirá ser a rainha de que seu povo precisa? Ou será que anos de humilhações transformaram a herdeira da Rainha do Fogo em meras cinzas?




Lady Thora, a Princesa das Cinzas, vive seus dias em uma espécie de holocausto, sendo açoitada pelo Kaiser que tomou o trono de sua mãe, morta na sua frente. No leito de morte, a proclamou como aquela que salvaria a todos, a esperança a se vencer todo o mal, intitulando-lhe a Rainha de Astrea.

Tendo assistido a essa tragédia e também tendo sido forçada a participar da morte de Ampélio seu convicto pai, o Guardião maior de Astrea, Thora _ ou Theodosia _ sentia que não era mais a mesma, e que apenas a ela cabia a sua salvação.
Sua vida passou a ser baseada em não contrariar o Kaiser Corbinian, como forma de prolongar seu tempo na Terra.
A cada convocação do Kaiser, ou qualquer evento que a levasse a trafegar pelos corredores do castelo, memórias de uma infância feliz e serena ao lado de sua mãe lhes rondavam.
Até então, via-se sozinha, sem expectativas de que um dia fosse salva. Até que um dia, viu que não mais estaria só, pois três aliados surgiram a lhe auxiliar em seu propósito.
"...uma centelha de esperança na mais absoluta escuridão".
  • Um plano arquitetado;
  • A esperança plea liberdade;
  • A necessidade de pensar e agir friamente, articular-se...
  • Pensamentos e sentimentos contrários ao que seria sua missão invadem a mente de Theo...

Os Kalovaxianos haviam perdido tudo por séculos passados.
Suas terras deixaram de ser férteis, seus rebanhos pereceram, o que os levou a buscar por lugares melhores, para invadir, escravizar, arrasar e tomar à força...
  • Seria esse lugar amaldiçoado?
Astrea, país de Theodosia, ou agora Lady Thora, foi o primeiro que encontraram que continha magia. Por isso, decidiram ali se manter.

Quanto às reviravoltas na vida da personagem, só lhes restam dúvidas: sobre sua identidade, sua missão, sua responsabilidade para com o futuro de seu povo e o seu enquanto rainha...

...dúvidas quanto ao amor!
"Nós nos beijamos como se estivéssemos tentando provar alguma coisa, embora eu não saiba exatamente o quê. Não consigo mais lembrar quem sou".

Quanto a tais dúvidas, muitas pairavam sob a mente e os pensamentos da princesa. Ela ousava, e questionava os deuses:

  • Por que eles teriam permitido que todo esse sofrimento acometesse a ela e ao seu povo?
Tudo isso, toda essa angústia, tristezas e dores, lhes trouxeram cicatrizes que carregará em sua jornada...

... cicatrizes no corpo e, por que não ousar dizer, cicatrizes na alma!
"Chegou a hora de os passarinhos voarem".
Quanto à vingança, seria um baile de máscaras o momento oportuno a pôr seus planos em prática?
  • Estaria, afinal, uma tragédia para acontecer?


Em todo fluxo de emoções, sofrimentos, açoites, poucas ou nenhuma expectativa, um sentimento dócil a fez sentir leve, livre e amada, envolvendo-a, dando-lhe uma suave e inesperada rasteira.

E a jovem precisa fazer escolhas, aprender a confiar nas pessoas certas, a decidir entre os seus amores, seu trono...
"Ele me deu esperança quando eu já não tinha nenhuma e é minha tábua de salvação nesta tempestade, mas, neste momento, queria que ele nunca tivesse voltado. Queria estar sozinha neste quarto, cercada por minhas verdadeiras Sombras e abençoadamente ignorante de tudo que se passa fora do palácio. Queria ser Thora de novo, porque Thora precisou fazer escolhas".
...entre ser a Lady Thora, que cresceu submissa, frágil, uma Princesa das Cinzas, ou Theodosia, a nova Rainha de Astrea, como consagrada por sua mãe em seu triste final.


"A rainha Theodosia me parece uma charada quase tanto quanto lady Thora e é um papel muito mais complicado de exercer. Ninguém esperava nada de Thora, mas as pessoas esperarão milagres de sua rainha".
Um livro, muito bem escrito, por sinal, que me deixou presa à sua narrativa do início ao fim.
Cada detalhe, cada ponto considerado de relevância à trama, consegue propiciar ao leitor a vontade de permanecer ali, na história, curioso por concluir cada capítulo, desamarrando os nós propostos pela autora, e que fazem que fiquemos muito envolvidos até o final.

Recomendo a leitura, e digo da vontade de ter acesso à continuidade!

Sobre a autora



Laura Sebastian nasceu e cresceu no sul da Flórida e sempre gostou de contar histórias. Depois de se formar em artes e design, ela se mudou para Nova York. Quando não está escrevendo, está lendo, assando biscoitos ou bolinhos, comprando mais roupas do que cabem em seu armário ou forçando seu preguiçoso cachorro Neville a dar um passeio. Princesa das Cinzas, seu livro de estreia, é o primeiro da trilogia.

E aí, me contem o que acharam da resenha!
Já leram o livro? Não?! Pretendem ler?
Eu adorei cada detalhe dessa maravilhosa fantasia!

Até a próxima!

Beijos literários! 

9 comentários

  1. Tenho visto algumas resenhas desse livro que têm chamado minha atenção. Já tem um tempo que não leio nada de fantasia, confesso que sou um pouco devagar, mas fiquei curiosa com esse universo criado pela autora.
    A capa também está um espetáculo.

    bjs

    ResponderExcluir
  2. Oi, amiga! Eu tenho lido muito de fantasia, e tenho gostado muito! fazer a leitura desse livro foi muito gostoso! Amei a história e a escrita de Laura Sebastian! Super recomendo! A capa é lindíssima! Eu li em e-book, mas me arrependi por não comprar a versão física!
    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Oi Ana!

    Olha, eu confesso que nunca tinha ouvido falar desse livro mas como amante de uma boa fantasia fiquei muito empolgada para conhecer o livro após ler sua resenha. Me parece ser um livro que mexe mesmo com as emoções, gosto de acompanhar o amadurecimento da personagem.

    Beijos,
    Amanda

    ResponderExcluir
  4. a capa desse livro é linda!! eu morro de vontade de ler essa saga, mas ainda nao deu, espero conseguir aida esse ano - oremos!!
    amei sua resenha, so me deixou com mais vontade <3

    ResponderExcluir
  5. Estou aqui vendo a sua resenha pensando quando é que vou iniciar a leitura dessa série de livros. Os quotes que você separou transmitem parte do quanto essa leitura deve ser realmente envolvente. Pelo que pude perceber a história também leva a jovem a amadurecer afinal não deverá ser nada fácil ela escolher entre a coroa e um grande amor.

    ResponderExcluir
  6. Melhor presente que você poderia ter me dado hoje: trazer mais sobre esse livro incrível que eu estou doida para ler! Já faz algum tempo que estou querendo muito ler Princesa das Cinzas, mas ainda não tive como. Depois de ler um pouco mais de tudo o que escreveu sobre ele aqui e as citações perfeitas, só aumentou a minha vontade de ler. Adorei!

    ResponderExcluir
  7. Esse livro tem aparecido na minha timeline com certa frequência e confesso que essa capa me chamou a atenção também! As citações que você colocou instigaram a minha curiosidade e acho que vou dar uma chance para essa leitura!

    ResponderExcluir
  8. Gosto muito de fantasia e a resenha desse livro me deixou muito interessada! Parece ser o tipo de livro que me prenderia a atenção até o fim da leitura. Ainda nem li o livro em si, mas só pelas suas palavras já concordo com você sobre o desejo de ter acesso à continuidade da história haha. Com certeza lerei! Obrigada pela dica.

    ResponderExcluir
  9. Oi, tudo bem? A capa desse livro é simplesmente linda demais. A editora caprichou nessa edição. Gosto de fantasia mas faz um tempinho que não leio. Tenho focado mais em mistério/suspense que são os meus gêneros favoritos. Mas nada supera Harry Potter quando o assunto é fantasia concorda? Na minha TBR de maio não tem nenhuma fantasia =/ vou tentar colocar em junho. Gostei da resenha. Beijos, Érika =^.^=

    ResponderExcluir