Menu

terça-feira, 31 de julho de 2018

Projeto Maratona de Leituras Feministas

Olá, leitores! Hoje venho aqui apresentar à vocês mais um dos projetos que o Café com Leitura Blog está participando. 

Vocês conhecem a Maratona de Leituras Feministas? Não?! Então hoje terão a oportunidade de conhecerem essa honrosa proposta ao qual estaremos conversando. 

Conheceremos as obras que em princípio serão lidas e debatidas, as belas intenções de Vanessa Passos, do bookstagram @pinturadaspalavras e Liliân Borges, umas das primeiras parceiras do nosso cantinho literário, administradora do @experiencia_literaria . 

Para isto, assim como nos demais posts, e como é característica do "Café", que adora interatividade, há a lindíssima participação das idealizadoras. Não é bacana?!

 Vamos então ver o que elas nos propõem?




"O objetivo deste projeto é discutir sobre feminismo, utilizando as redes sociais como meio de difusão. No entanto, nossa proposta é fugir dos lugares comuns, que se resumem a frases e imagens nas redes sociais, logo nossa pretensão é realizar maratonas de leituras feministas no Instagram para discussão e aprofundamento sobre o feminismo, incluindo discussões e compartilhamentos de leituras pela internet. Junto a isso, pesquisaremos e compartilharemos acerca da história do feminismo, trajetória de escritoras e de movimentos ativistas, depoimento de mulheres que sofreram opressão e violência, enfatizando a importância da igualdade de direitos e da pluralidade em nossa sociedade, e ainda, playlists e filmes que abordam o feminismo como temática central, com o intuito de um maior aprofundamento sobre essas questões. Além disso, nosso objetivo é uma discussão de jovens para jovens, para além das discussões acadêmicas, com uma linguagem acessível para alargar as discussões sobre o tema e desconstruir rótulos e preconceitos. Por fim, sabemos que muitas pessoas ainda não compreendem o que é o feminismo e nossa proposta, portanto, visa possibilitar uma discussão séria acerca do tema, de forma simples e acessível para o maior número de pessoas. Nosso lema é a difusão da pluralidade e da liberdade.


Estamos imersos em uma época marcada pela revolução advindas de frases de efeito e memes na internet, o que resulta em muita polêmica e pouca discussão aprofundada. Essas discussões, por sua vez, limitam-se a esfera da superficialidade. O feminismo está incluído nesta esfera. Portanto, nossa pretensão é criar um espaço para uma discussão periódica, sequenciada, em que, juntas, seja possível compreender o feminismo e a sua relevância social, incluindo nossa luta contra o machismo e a sociedade patriarcal ainda vigentes. Entendemos que o feminismo está diretamente ligado a outras discussões acerca da pluralidade, como o racismo e as discussões sobre gênero. Por essa razão, buscamos uma discussão que parta da juventude, sem ser mediada pelo discurso hegemônico e acadêmico, muitas vezes excludente. É necessário que saiamos dos muros das universidades, transpondo-os, quebrando as barreiras, mostrando, assim, que o conhecimento precisa estar difundido entre todas as pessoas da sociedade. Conceição Evaristo, em uma entrevista para a revista Marie Claire, disse: “O que nós [mulheres] conquistamos não foi porque a sociedade abriu a porta, mas porque forçamos passagem”. Em suma, nosso objetivo é “forçar a passagem”, criando espaços de discussão para que o maior número de pessoas tenha a possibilidade de compreender mais sobre os feminismos e envolta na questão da pluralidade.

     Por essa razão é que escolhemos a Coleção Feminismos Plurais, coordenada pela Djamila Ribeiro, publicada pela Editora Letramento, em parceria com o Justificando. Selecionamos para a primeira rodada da Maratona de Leituras Feministas, que terá a duração de três meses, os três primeiros livros desta coleção: O que é lugar de fala? (Djamila Ribeiro), O que é empoderamento? (Joice Berth) e O que é encarceramento em massa? (Juliana Borges).

     Os livros da coleção reúnem um conjunto de características relevantes que estão de acordo com os propósitos da maratona. Em primeiro lugar, são livros de um conteúdo relevante, com discussões pertinentes e necessárias acerca das temáticas que circundam as questões sobre feminismos e a pluralidade. Em segundo lugar, os livros são uma edição de bolso, eles variam, em média, de noventa a cento e cinquenta páginas, permitindo que as mulheres interessadas em participar possam encaixar o cronograma de leitura na sua rotina. Em terceiro lugar, os livros têm um custo bastante acessível, custando no máximo R$ 19,90. Sendo assim, nós, Vanessa Passos e Lilliân Borges, planejamos uma estratégia sustentável para que a maratona possa agregar o maior número de mulheres a fim de possibilitarmos um espaço virtual e/ou físico em que possamos debater, questionar, aprender juntas e compartilhar vivências. Estamos muito felizes, pois já somos mais de 30 mulheres espalhadas por todo o Brasil participando ativamente da maratona. O convite continua, caso queiram se juntar a nós."


São muitos os pontos relevantes nesta maratona:
  • Discussões;
  • Materiais acessíveis (recursos que embasem o trabalho);
  • Debates;
  • Encontros (seja via virtual ou de forma presencial);
  • Pluralidade de ideias...

Como todos vocês podem notar, as propostas da maratona são intensas, e que levam àquelas que participam, e aos que podem acompanhar pelos instagrans das participantes, bem como pela hashtag, que a cada trecho citado, a cada post, a cada leitura, haverá embasamento, teórico e de vivências, que só nos afirmam o quanto ainda é difícil ser mulher em nossa sociedade, infelizmente! Mas há esperanças! Como o próprio lema do nosso grupo sugere (frase famosa!) :


"Juntas somos mais fortes!"


Neste período, leremos um livro por mês. Atentem-se:

Agosto:
1) "O que é o lugar de fala?",  de Djamila Ribeiro

Setembro:
2) "O que é empoderamento?",  de Joice Berth

Outubro:
3) "O que é encarceramento em massa?", de Juliana Borges







A cada semana, seguiremos um cronograma organizado pelas idealizadoras, com os capítulos a serem lidos e alguns desses com certeza gerarão debates, que acontecerão via online, aos domingos à tarde.







Penso que já deu para vocês perceberem que a jornada será linda, não acham? 
E o que você, menina, mulher, está esperando para se juntar à nós?!

"Sigamos juntas nesta luta!"





Antes de terminar o post, não posso deixar de agradecer à Liliân e à Vanessa, que têm sido parceiras maravilhosas, sempre atenciosas com o Café com Leitura Blog! Deixo aqui a minha gratidão e a confiança de que o desenrolar do projeto será incrível!

Bom, leitores, espero de verdade ter contribuído um pouquinho, em vista do que ainda iremos conversar sobre esse assunto tão extenso e rico que é o feminismo!

Aguardo, aqui e nas demais redes sociais do "Café", a opinião de vocês sobre o assunto, ok?

E é claro que voltaremos abordar o tema com as resenhas dos livros e outras abordagens, que vocês também podem e devem sugerir! Sigam-se em casa!

Beijos literários!