Menu

terça-feira, 17 de abril de 2018

Resenha 04: In Temporal





RESENHA: In Temporal


Título Original: In Temporal - Sentimentos que nos levam a viver em temporais

Autores: Igor Nelson

Ano: 2018

Páginas:  30 páginas





Aos amantes de uma leitura de cunho poético, o jovem autor português Igor Nelson apresenta em seu segundo ensaio o valor da poesia enquanto expressão da arte.

Com uma bela seleção de 16 poemas, uma miscelânea de lindas artes chamam os leitores a deliciarem-se com encantamentos lusitanos, promovendo a poesia enquanto cultura visual e sonora, já que os versos, além de nos proporcionarem uma leitura intensa e repleta, contendo vocabulário diversificado, traz como novidade a possibilidade de o ledor ouvi-la, se assim for a sua opção.




“... Escrevo, pois não sei o que sou.
Tudo que fui parece que mal soou.
Não sei que sou, que hei de fazer?
Ser somente, uma capa de meu Ser...”


Versos do poema “Escrevo”, página 12, do e-book In Temporal


Subdividido em partes, o livro digital do autor Igor Nelson revelam-nos seu Eu poético, convidando a quem o lê e/ou o ouve a adentrar em seu universo literário de forma plena, por entre a beleza de suas rimas, associadas a eventos naturais.

O ensaio intitulado In Temporal, através do uso adequado das palavras, inferem ao conhecedor do material a uma leitura sensibilizada e ao mesmo tempo reflexiva, algumas vezes com fortes expressões, outras, simultaneamente, apresentando-se de maneira mais leve.




Poemas contemporâneos, de cunho jovial, convidativos seja a quem já é amante do gênero, ou a quem é aberto ao conhecimento de novas leituras, seus versos podem ser apreciados, bastando apenas haver amor e admiração por uma linguagem que aborda ações, sentimentos e a essência do ser humano em sua amplitude.




Segundo conceito sobre si mesmo, o autor avalia-se como sendo um "misto de Informático e Biólogo", escrevendo para descobrir-se.